Rádio Difusora

(45) 9-9841-0044
11/09/2018 15:08 | Autor: Editor

Embrapa e Emater apresentam estudo sobre redução dos defensivos na agricultura

Menos defensivo, menos custos e mais produtividade são os resultados que a Embrapa e a Emater vão apresentar no Treinamento em Boas Práticas Agrícolas, que será realizado amanhã e sexta-feira , na Embrapa em Londrina.



Relatório serve de alerta para produtores reduzirem custos de produção


Enquanto na média estadual foram feitas 3,4 aplicações de inseticidas na cultura da soja, nas 196 unidades de referência em Manejo Integrado de Pragas mantidas pela Emater em todo o Estado, foi necessária apenas 1,4 aplicação.
Com isso, o custo por hectare nas Unidades de Referência foi de 96 reais e 78 centavos contra 224 reais e 40 centavos na média estadual.
No caso da ferrugem asiática, a média de aplicações no Paraná foi de 2,5 ao passo que, nas 195 Unidades de Referência em Manejo Integrado de Pragas, foi preciso 1,7 aplicação.
Nas unidades da Emater foi observada uma produtividade de 1,2 saca a mais que na média estadual e o custo por hectare ficou em 203 reais e 35 centavos, contra 411 reais e 97 centavos na média estadual.
De acordo com o pesquisador da área de Transferência de Tecnologia da Embrapa, Osmar Conte, é muito importante que os produtores se atentem para isso. porque além de preservar o meio ambiente, consegue-se uma expressiva redução de custos.
Ele defende que o monitoramento da ocorrência de insetos seja disseminado pelo Estado, pois percebe-se que há uma calendarização das aplicações, independentemente de ter ou não ter o inseto e da quantidade de insetos e isso nem sempre é necessário.
O tempo médio até a primeira aplicação de inseticida nas URs foi de 78 dias, bem superior ao observado no levantamento das lavouras do Estado, que foi em média de 43,9 dias.
Conforme o pesquisador da Embrapa, quanto maior o intervalo entre a semeadura e a primeira aplicação, menor o número de aplicações necessárias, menos produto é usado e menor é o custo.
O coordenador do projeto Grãos da Emater, Nelson Harger, conta que, após o evento de hoje em Londrina , serão distribuídos 100 mil panfletos aos agricultores do Estado do Paraná.
A intenção segundo ele, é mostrar que todos aqueles que acompanham sua propriedade, que só entram com os defensivos na hora certa, seguindo parâmetros técnicos, têm mais produtividade.