Rádio Difusora

(45) 3284-8080
13/06/2019 08:43 | Autor: Editor

Relatos de violência contra idosos estão em alta no Paraná.

Segundo informações do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, no ano passado o Disque Direitos Humanos recebeu 1.586 denúncias de paranaenses, número 13,2% maior do que o verificado no ano de 2017, quando haviam sido registradas 1.401 denúncias no estado.
Ainda segundo o Ministério, embora não lidere em números absolutos o registro de denúncias, ficando atrás de São Paulo (9.010), Minas Gerais (5.379) e Rio Grande do Sul (1.919), quando considerada o número de denúncias em cada estado de acordo com a população idosa daquela localidade, o Paraná aparece em primeiro lugar, com 64,3 denúncias para cada 1 mil idosos.
O segundo lugar fica com o Rio Grande do Norte (17,5) e o terceiro, com São Paulo (13,7).
Com relação aos tipos de violência mais comuns, o principal destaque são os casos de negligência, com 6.601 registros entre os anos de 2013 e 2018 – período no qual foram registradas 8.857 denúncias no estado.
Em seguida aparece a violência psicológica (5.011), o abuso financeiro e econômico/violência patrimonial (3.489) e a violência física (2.505).
O número de tipos de violência supera o de denúncias porque há situações em que num único registro pode haver mais de um tipo de violação.